Skip to main content

Moto no calor: 5 dicas de como se proteger

Por 3 de abril de 2023Mobilidade
seguro para moto ainda não comprada

Vai cair na estrada e a previsão do tempo mostra aquele calorão que não dá trégua? Então, prepare-se da melhor forma para curtir a sua moto e as paisagens do trajeto. Com alguns cuidados básicos, você não passa aperto e evita que o sol vire um inimigo. Confira cinco dicas de como andar de moto no calor!

Cotação online de Seguro Moto

Como andar de moto no calor?

Vamos descobrir o que fazer para lidar com a moto no calor? Para o motociclista se organizar, indicamos desde roupas apropriadas para o verão até percursos mais suaves. Acompanhe nossas dicas:

Use equipamento adequado

Diferente do que se via no passado, os motociclistas não precisam mais passar apuros nos dias quentes por ausência de equipamento. Atualmente, há uma boa opção de roupas específicas para quem vai andar de moto no calor.

Isto é, são equipamentos com boa ventilação (perfurados ou com aberturas) e que permitem a entrada de ar para refrescar o corpo da pessoa.

Dessa forma, impedem que haja o acúmulo de suor e algum desconforto, o que poderia colocar em risco tanto a saúde quanto a segurança do condutor. Nada de dar mole e ficar exposto a temperaturas altas, certo?

Entre os equipamentos indicados para a moto no calor, temos:

  • Jaqueta de verão;
  • Luvas;
  • Colete de arrefecimento;
  • Capacete;
  • Tênis;
  • Capa de chuva.

No caso das jaquetas, não se preocupe: são vestimentas arejadas com proteção nos ombros, costas, braços e cotovelos do motociclista – e costumam ser impermeáveis. Já as luvas são mais finas e com tecidos apropriados para receber uma excelente ventilação. Caso semelhante ao tênis, que conta com materiais suaves e respiráveis aos pés.

Com relação aos capacetes, uma alternativa seria a escolha do modelo articulado (ou escamoteável), que possibilita a parte do queixo ser manuseada, além da abertura de toda a área frontal. No entanto, isto deve ser utilizado apenas quando estiver com a moto parada – evitando a exposição de seu rosto enquanto pilota.

Como dica, vale a aposta no colete de arrefecimento, uma roupa personalizada com uma tecnologia capaz de controlar a temperatura do corpo do motociclista, absorvendo a água. São peças para serem molhadas antes de vestir, geralmente usadas junto da jaqueta.

+ Como se proteger da moto em dias de chuva

Hidrate-se

Ainda que seja clichê, a hidratação deve estar na lista de prioridades quando se anda de moto no calor, especialmente no verão. Seja em viagens curtas ou longas, o recomendado é se manter hidratado a cada duas horas. O motivo? O calor pode provocar estresse, fadiga, náuseas e dores de cabeça.

Por isso, não menospreze a importância da hidratação. Se possível, prefira beber água. Leve uma garrafa de água consigo para o consumo constante, independente do local que estiver dirigindo. Como alternativas, há sucos naturais ou bebidas isotônicas para ingerir, assim como utilizar bolsas de hidratação em formas de mochilas.

Se o calor for muito intenso, busque molhar o rosto, pescoço e, até mesmo, pernas para se refrescar e manter uma boa temperatura do corpo.

Escolha do horário

Para fugir do calor escaldante, o motociclista pode utilizar o relógio a seu favor. Como assim? Ao organizar uma viagem longa, procure escolher horários menos ingratos, como o começo da manhã e fim da tarde (por volta das 16h, por exemplo) para pegar a estrada.

Assim, consegue evitar quando o sol chegar ao pico (alô, hora do almoço), com temperaturas elevadas e maior risco de desgaste e desidratação. Isso garante um trajeto mais agradável, de clima ameno e menos sujeito a imprevistos em virtude do calor.

Prefira trechos com árvores

Outra dica: busque atalhos com menor trânsito, sobretudo os que têm árvores. Com um trecho mais arborizado, ocorre uma absorção do calor e se cria sombras na pista. Deste modo, o condutor aproveita uma sensação térmica menos incômoda, apesar do clima.

Falando sobre as sombras, não pense duas vezes: se estiver andando de moto no calor e quiser fazer uma pausa, procure uma sombrinha. Nela, o motociclista consegue se recuperar mais rapidamente, bem como “esfria” a moto, impedindo a chance de existir um superaquecimento.

Tenha uma condução moderada

Sim, a maneira como se dirige impacta na temperatura do motor. Ou seja, não ande em altas rotações, nem faça diminuições bruscas de velocidade. O mais indicado é realizar uma direção defensiva, de forma mais moderada, a fim de preservar a boa estabilidade do motor.

Cuidado com a moto no calor

Pensou que apenas o motociclista deveria se cuidar? Nada disso! A moto precisa de uma atenção especial em dias quentes, ainda mais no verão. Alguns componentes podem sofrer um desgaste maior em altas temperaturas, causando problemas no desempenho do veículo que podem afetar a segurança do condutor.

Listamos alguns itens para ficar de olho quando se anda de moto no calor:

  • Veja o nível de óleo do motor para manter uma boa lubrificação;
  • Deixe a corrente sempre lubrificada;
  • Verifique a calibragem e a pressão dos pneus, passíveis a alterações no calor;
  • Busque estacionar na sombra, evitando desgastes da pintura, do banco e de peças plásticas (botões e chaves) que são expostas no contato com os raios solares.

Seguro de Moto

Agora que você já descobriu como andar de moto no calor, que tal fazer uma simulação de um seguro de moto? O processo é rápido, fácil e bastante acessível. Faça agora mesmo o seu seguro de moto online com a Bidu!

Cotação online de Seguro Moto

Última atualização em 03/04/2023

 

Deixe uma resposta