Skip to main content

Quais são os tipos de consulta online permitidos?

Por 31 de março de 2021maio 14th, 2021Vida e Saúde
tipos de consulta online

A consulta online não chega a ser uma novidade. Porém, ela se tornou uma opção cada vez mais frequente aos brasileiros, sobretudo em tempos de pandemia. Devido às restrições e aumento dos cuidados visando a segurança dos pacientes, a modalidade virtual surgiu com diferentes tipos de consulta online

Pela facilidade no acesso, o contato com o seu médico pode estar a alguns cliques de distância. Mas você sabe quais são os tipos de consulta online disponíveis pelo plano de saúde? E como descobrir se consegue escolher o atendimento virtual?

É sobre isso que vamos explicar e descomplicar em nosso artigo, confira! 

Cotação online de Planos de Saúde

O que seria uma consulta online?

A consulta online é também conhecida como teleconsulta. Ela é uma consulta médica realizada de forma remota, à distância, sem que o médico e paciente estejam fisicamente no mesmo local. 

O atendimento conta com o uso de algum recurso tecnológico, como internet, aplicativos ou plataformas online. Desta forma, o contato costuma ocorrer por meio de videochamadas utilizadas por computadores, tablets ou celulares.

Vale dizer que a consulta online não está regulamentada no Brasil. Mas, em decorrência da pandemia, uma portaria do Ministério da Saúde permitiu o uso da telemedicina em caráter de exceção (incluindo, a teleconsulta) com o aval do Conselho Federal de Medicina (CFM). 

Como funciona uma consulta online?

Antes de saber quais são os tipos de consulta online, vale entender o formato existente para a realização de uma teleconsulta. Então, vamos conhecê-los: 

Síncrona

Este nome pode parecer complicado, mas nada mais é do que uma conversa em tempo real. Em resumo, é uma conversa simultânea entre as duas partes, com interação imediata. As perguntas e dúvidas são respondidas como se a consulta fosse no modo presencial. 

Desta maneira, é necessário que a clínica ou profissional de saúde disponibilize uma plataforma ou aplicativo. A comunicação pode ser por videochamada ou troca de mensagens instantâneas. 

Assíncrona

Por outro lado, esta modalidade não exige que a teleconsulta seja em tempo real. Não ocorre a interação direta. Ou seja, a comunicação pode levar um certo tempo entre o paciente e médico, como a resposta ser em horários diferentes. 

Através da determinação do Ministério da Saúde, as dúvidas nas consultas online assíncronas devem ser respondidas em, no máximo, 72 horas. Nesta situação, a conversa pode acontecer por troca de mensagens, embora sem a urgência no atendimento

+ Agendamento de consultas online: como marcar horário com seu médico

Agora vamos entender os tipos de consulta online existentes. 

Então, quais são os tipos de consulta online disponíveis?

Há três tipos de consulta online permitidos e aplicados para diminuir a distância entre paciente e médico. São eles:

  • Primeiro atendimento; 
  • Consultas de acompanhamento; 
  • Consultas de urgência ou de supervisão. 

Isto é, a teleconsulta funciona desde os primeiros cuidados e enfermagem até as mais diversas especialidades médicas. 

Note que consultas de rotina ou de retorno, entram na categoria de acompanhamento. 

Consultas de urgência ou de supervisão são aquelas voltadas aos pacientes que estão com problemas de saúde e precisam de atendimento imediato ou do monitoramento para o tratamento. 

Para explicar quais consultas você pode fazer no modo remoto, listamos algumas especialidades, confira: 

  • Cardiologia; 
  • Clínica geral;
  • Dermatologia; 
  • Ginecologia; 
  • Neurologia;  
  • Oftalmologia;
  • Pneumologia;
  • Psiquiatria;
  • Radiologia.

Outras profissões, como enfermeiros, fonoaudiólogos e psicólogos têm legislações próprias e também autorizam a teleconsulta. 

Independente do tipo de consulta online, caso sinta um problema que necessite de um acompanhamento profissional, não pense duas vezes. Procure um médico o quanto antes, o contato virtual pode ajudar a detectar o que esteja acontecendo rapidamente e indicar qual o procedimento correto. 

E quais tipos de consulta online não funcionam?

Muitas consultas foram adaptadas do presencial para o online. Entretanto, não é tudo que pode ser feito à distância. 

Ao mesmo tempo que há uma grande praticidade no atendimento remoto, existe o outro lado da moeda. Há exames e diagnósticos que o encontro físico do paciente com o médico se faz indispensável. 

Casos de maior complexidade são situações que requerem um cuidado específico. Por exemplo, uma lesão mais séria no joelho exige um exame de imagem para identificar o que houve. Ou, também, um problema na visão que precise de um determinado equipamento para se fazer uma análise mais detalhada. 

Depende do problema de saúde e da gravidade que isso pode causar à pessoa. A consulta online pode servir como um primeiro atendimento, porém não exclui a importância da avaliação presencial, se isso for imprescindível. 

Como saber identificar se posso fazer uma consulta online?

Você tem plano de saúde? Se tiver, é uma boa notícia. Há muitas operadoras que estão oferecendo esse serviço ao segurado. Neste caso, é bem simples. Entre em contato com o seu plano pelos canais oficiais (telefone, site) e confirme se o atendimento que procura está disponível. 

A partir disso, a operadora vai informar sobre a habilitação de uma consulta online e os procedimentos necessários, como cadastrar numa plataforma ou qual aplicativo utilizar.

Dica: tenha o número de telefone de seu plano de saúde guardado em um lugar de fácil acesso. 

Há, também, a consulta online pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Voltado aos casos da pandemia do coronavírus, o Ministério da Saúde disponibilizou o TeleSUS como primeiro atendimento virtual. 

Quais as vantagens de uma consulta online?

Já falamos sobre os tipos de consulta online, mas será que essa modalidade é tão vantajosa assim? Separamos alguns benefícios que uma teleconsulta oferece ao paciente, acompanhe: 

  • Agilidade no tratamento e acompanhamento dos pacientes; 
  • Facilidade na escolha de médicos e melhoria no atendimento; 
  • Redução de distâncias geográficas, o que ajuda a quem mora em regiões mais afastadas dos grandes centros;
  • Evita filas e aglomerações em clínicas ou hospitais; 
  • Diminuição dos custos de locomoção do paciente; 
  • Diagnósticos precisos, possibilitando o profissional de saúde consultar uma segunda opinião médica a fim de identificar corretamente o problema; 
  • Segurança dos dados, uma vez que as informações são armazenadas respeitando as normas de segurança definidas no Brasil, garantindo a confidencialidade dos dados.  

Agora que já sabe como funciona e quais são os tipos de consulta online, uma garantia para você ter acesso a uma teleconsulta é contratar um plano de saúde

Ainda não tem um plano de saúde? Não tem problema, faça uma cotação com a Bidu Corretora e encontre o plano de saúde ideal para você e sua família, é rápido e fácil! 

 

Última atualização em 31/03/2021

Deixe uma resposta