Skip to main content

Vale a pena ter um Seguro para Celular?

Por 8 de junho de 2022Residencial e Lazer
seguro para celular

Plaft! O celular sofreu uma queda cinematográfica e caiu no chão, espalhando-se em pedaços. E agora? O custo do conserto ficaria bastante salgado. Para não ficar nessa enrascada, uma saída seria contar com um seguro para celular!

Para entender melhor, vamos mostrar os seus prós e contras, além de esclarecer se vale a pena contar com um seguro para celular. Acompanhe!

Cotação online de Seguro para Celular

O que é Seguro para Celular?

O seguro para celular é semelhante às outras modalidades de seguro mais tradicionais, como residencial e automotivo. No caso, é uma proteção para o seu aparelho eletrônico no caso de acontecer algum imprevisto, como roubo ou dano.

Dessa forma, o seguro entra em ação para indenizar o proprietário do celular em situações em que o celular esteja coberto. Inclusive, existe a chance da seguradora fornecer um novo aparelho para repor aquele deteriorado ou furtado.

Para saber ao certo o que o seguro para celular oferece, é preciso dar uma lida na apólice (contrato). Nela, se descobre coberturas, franquias, período de carência e valor da indenização que o segurado irá receber. Por isso, não deixe de dar uma atenção especial e leia com cuidado o documento antes de assinar.

Quais as vantagens de ter um Seguro para Celular?

“Tenho bastante cuidado com o meu celular, seguro pra quê?”.

Na verdade, não tem como prevermos diversos momentos, nem o que pode acontecer quando não estamos de olho no celular. É possível que um pequeno deslize provoque um prejuízo daqueles no bolso do proprietário do aparelho.

Nesta hora, o seguro seria de grande valor. Para entender mais o que um seguro para celular garante, listamos algumas vantagens do produto. Confira:

Protege de danos e roubos

Entre os principais benefícios do seguro, estão duas coberturas: a de roubo ou furto e de danos físicos.

Por exemplo, um tropeço banal pode causar uma queda brusca do aparelho. Ou, em ocasião de aglomeração, ser furtado e perceber algum tempo depois. Já pensou na dor de cabeça em comprar um novo? E recuperar os conteúdos que perdeu? Pois é, o seguro consegue ser um importante aliado nesses momentos.

A seguradora pode indenizar financeiramente ou, até mesmo, se encarregar dos custos após deixá-lo numa assistência técnica. Um verdadeiro alívio numa situação que certamente seria bastante delicada.

+ Qual a diferença entre roubo ou furto?

Repõe com um novo aparelho

Sim, o seguro para celular também garante um suporte quando o usuário não tem mais o aparelho em mãos. Seja por algum acidente ou roubo, a seguradora pode fornecer um novo celular (idêntico ao anterior) como forma de repor o dispositivo que estiver em reparo/perdido. Pelo menos, não precisará se preocupar em estar sem um telefone.

Porém, vale explicar que nem todas as seguradoras podem disponibilizar tal benefício. Deste modo, indica-se fazer mais de uma simulação com diferentes empresas a fim de conhecer as vantagens que ela oferece.

Diminui os custos

A depender do modelo, o valor do aparelho já pode ser salgado, certo? Nem sempre é uma tarefa simples encontrar um celular bom e barato, imagina se precisar fazer um conserto que acaba sendo bastante caro. Paga-se quase outro celular somente na assistência.

Para não sofrer com tantas despesas, o seguro é uma boa alternativa. Não somente nas coberturas, mas também concede uma assistência técnica autorizada quando houver algum problema que esteja coberto. Com o reembolso do seguro, o proprietário consegue gastar menos e evita que o seu orçamento seja afetado, no caso de comprar um novo aparelho.

O preço do seguro (prêmio) depende do modelo e das coberturas a serem contratadas. Quanto mais caro, maior o risco de ocorrer algum incidente, aumentando o valor do seguro.

Escolha de coberturas

Diversificado, o seguro para celular conta com várias coberturas disponíveis ao consumidor. Podemos destacar algumas, como:

  • Roubo ou furto;
  • Danos físicos;
  • Problemas elétricos;
  • Danos causados por líquidos;
  • Cobertura para acessórios.

Como vantagem, o segurado pode personalizar o seguro de acordo com o seu perfil. Assim, seleciona somente as coberturas que sejam mais benéficas à sua realidade, sem necessitar que haja gastos extras ao contratar a proteção.

Importante: o cardápio de coberturas costuma variar entre as seguradoras, não esqueça.

Atendimento 24 horas

Precisa acionar a seguradora? Fique descansado, existe um serviço de atendimento 24 horas em casos de sinistro. Geralmente, realizado de maneira online, o sistema agiliza o processo para evitar maiores demoras e burocracias no contato com o segurado. Facilitando que o seguro saiba o quanto antes do ocorrido.

E quais seriam as desvantagens de garantir um Seguro para Celular?

Certo, agora vamos conhecer o outro lado da moeda de seguro para celular. Elencamos algumas desvantagens dessa modalidade:

Franquia

Em geral, a franquia também está presente em seguro para celular. Para quem não tem muita familiaridade, a franquia é a parte que o segurado precisa pagar dos prejuízos. Ou melhor, quando o seguro cobre apenas parcialmente.

Por exemplo, o contratante teria que bancar 10% do valor do aparelho em algum incidente – o que pode ser um custo alto dependendo do modelo.

Isso pode virar uma surpresa quando houver algum problema. O motivo? O proprietário do celular não estar ciente que existe franquia numa determinada cobertura. Por isso, a recomendação da leitura da apólice, impedindo contratempos futuros.

Nem tudo é coberto no seguro

Para se ter uma ideia, tem várias empresas que não contam com a cobertura de furto simples. Há casos em que a quebra de tela também não seria um dano assegurado por certas seguradoras.

Outro item: mau uso do aparelho por parte do usuário. Se for constatada uma negligência no trato com o celular, o seguro não costuma cobrir essas ocasiões. Não pense que, em um momento de raiva, ao arremessar o celular no chão, o dispositivo estaria coberto e ainda seria possível ter o ressarcimento, não é o caso.

Período de carência

Ao contratar o seguro, ocorre o conhecido período de carência. Em resumo, são aqueles dias que, embora tenha contratado o seguro para celular, ainda não terá direito a indenização. Saiba exatamente em quanto tempo encerra esse prazo para não passar apuros desnecessários.

Afinal, vale a pena um seguro voltado para celular?

Sim, vale a pena ter um seguro para celular. Porém, saiba que essa resposta depende exclusivamente de cada pessoa e de como seria a relação dela com o celular.

Costuma utilizar o celular para trabalho por um longo período de tempo? Ou não consegue desgrudar do aparelho? Nestes casos, o seguro para celular é bastante indicado dado às necessidades de uso.

Fora que o Brasil tem um alto índice de roubo de celulares, aumentando a necessidade de existir uma proteção. Em levantamento realizado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em maio deste ano, um celular foi roubado a cada cinco minutos em São Paulo somente nos dois primeiros meses de 2022.

Com várias coberturas, o seguro garante não deixar o proprietário lidar com o prejuízo sozinho, amenizando o impacto em seu bolso. Portanto, um seguro proporciona uma maior liberdade e tranquilidade para usar o aparelho em qualquer lugar, dispensando a necessidade de arcar com um alto custo em um imprevisto.

Mesmo que o preço do seguro seja um pouco caro, vale analisar quais coberturas seriam interessantes para não inflar o produto e, assim, alcançar o custo-benefício desejado.

Seguro Celular

Agora que já sabe como funciona o aluguel de celular, que tal contar com um seguro para o seu aparelho? Faça uma cotação de seguro celular com a Bidu, o processo é rápido e fácil. Encontre a melhor proteção e evite passar dores de cabeça com o seu aparelho!

Cotação online de Seguro para Celular

Última atualização em 08/06/2022

 

Deixe uma resposta