Skip to main content

Planos de Saúde não podem mais limitar sessões de fisioterapia e terapias

Por 8 de agosto de 2022Vida e Saúde
sessões de fisioterapia pelo plano

Desde 1 de agosto de 2022, os beneficiários de todos os planos de saúde regulamentados (contratados após a Lei nº 9.656/1998 ou adaptados à Lei) com cobertura ambulatorial (consultas e exames) podem contar com algumas mudanças positivas. Eles passaram a ter direito a consultas ilimitadas com fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos e terapeutas ocupacionais.

Com o benefício em vigor, os planos de saúde não poderão mais limitar as sessões de fisioterapia pelo plano e outras terapias para os usuários que apresentam qualquer doença ou condição de saúde que esteja listada na Organização Mundial da Saúde (OMS). Entre elas, por exemplo, estão a síndrome de Down, paralisia cerebral e esquizofrenia.

Cotação online de Planos de Saúde

Medida tira limite de sessões de fisioterapia pelo plano

De acordo com a ANS, a medida tem a proposta de promover a igualdade de direitos aos usuários da saúde suplementar. Também tem o objetivo de padronizar o formato dos procedimentos atualmente assegurados, relativos às categorias profissionais envolvidas.

Dessa forma, ao excluir as condições exigidas para as coberturas nas quatro especialidades incluídas na nova determinação, o atendimento passará a considerar a prescrição do médico assistente, segundo informação também da ANS.

Antes dessa medida, as sessões de fisioterapia pelo plano de saúde, por exemplo, variavam de acordo com a doença da pessoa. Mas agora o paciente tem uso ilimitado e só precisa obter a prescrição do médico.

Importante saber que os contratos de clientes que estão em período de carência para consultas/sessões terão que aguardar o término da carência para a obtenção do direito à assistência.

Vale também mencionar que recentemente, a ANS também tornou obrigatória a expansão da cobertura de planos de saúde para pacientes que apresentam transtornos globais do desenvolvimento. Entre eles o autismo, o que inclui qualquer método ou técnica indicada pelos profissionais de saúde responsáveis pelos tratamentos.

Sessões de fisioterapia pelo plano sem limites

Antes da mudança que já está em vigor (desde 1 de agosto de 2022), os pacientes que necessitavam de fisioterapia regularmente voltavam às consultas médicas para a obtenção de nova prescrição. Só assim era possível realizar novo período de sessões – em geral os “pacotes” eram de cerca de 20.

Agora, as sessões de fisioterapia pelo plano de saúde são ilimitadas, facilitando o acesso dos pacientes a essa ciência que vai além do tratamento.

Sim, a fisioterapia se aplica também ao estudo, diagnóstico, prevenção e tratamento de disfunções nos diversos sistemas orgânico. Desta forma, é possível promover, desenvolver, manter e reabilitar as capacidades de mobilidade e funcionalidade das pessoas ao longo de toda a vida, maximizando a qualidade de vida.

É comum pensar que o fisioterapeuta é apenas um profissional especializado para tratar lesões. Na verdade, a área é bem mais ampla e apta a atender diversos quadros – temporários ou crônicos.

Apesar de a formação, inicialmente, ser uma só, há vários tipos de fisioterapia e os profissionais podem atuar em diversas áreas, assim como podem optar por uma especialização.

Especialidades comumente procuradas pelos pacientes

Acupuntura

Trata-se de uma prática terapêutica baseada em tradições médicas orientais que estimulam pontos do corpo para a redução de dores, tratamento de disfunções, prevenção de doenças e obtenção de mais bem-estar.

Fisioterapia do trabalho

Nas empresas, o fisioterapeuta tem papel fundamental, contribuindo para ações de prevenção, promoção e restauração da saúde dos trabalhadores.

Fisioterapia respiratória

Especialidade que ganhou destaque em virtude da pandemia provocada pelo novo coronavírus. Já que a Covid-19 tem alto impacto no quadro respiratório de pacientes de todas as idades. O fisioterapeuta que atua com foco na área pneumofuncional é o profissional que vem trabalhando fortemente na recuperação e manutenção da saúde do sistema respiratório desses pacientes e de todos os outros que apresentam problemas nesse campo. 

Neurofuncional

As sequelas neurológicas da Covid-19 também contribuíram para colocar em evidência os fisioterapeutas especializados na parte neurológica. Mas para além das sequelas que chegaram junto com a pandemia, estamos falando de um profissional sempre atuante em quadros que necessitam de intervenção como:

  • Acidente Vascular Encefálico (AVE);
  • Distrofia Muscular de Duchenne;
  • Autismo;
  • Esclerose Múltipla;
  • Mal de Parkinson;
  • Mal de Alzheimer;
  • Microcefalia;
  • Síndrome de Down;
  • Síndrome de Guillain-Barré, entre muitos outros.

Traumato-ortopédica

Tipo de fisioterapia que diagnóstica, acompanha, previne e trata disfunções musculoesqueléticas, que podem levar a lesões, traumatismos ou doenças ortopédicas. O trabalho do profissional dedicado a essa especialidade resulta em mais qualidade nas atividades diárias e específicas (subir escadas, por exemplo) dos pacientes.

Quiropraxia

Cada vez mais presente na rotina das pessoas, o especialista em quiropraxia atua para prevenir doenças ou agravamentos das patologias. Sem contar que reabilita fisicamente os pacientes para as atividades do dia a dia. Segundo a OMS, trata-se de uma especialidade que atua no diagnóstico, tratamento e prevenção das desordens do sistema neuromusculoesquelético – ou seja, a integração dos sistemas nervoso, muscular e ósseo. É pela aplicação de massagens e manipulações físicas (musculares e articulares), sobretudo da coluna vertebral, que a quiropraxia tem efeito.

Há muitas outras atuações desempenhadas pelo fisioterapeuta em favor da saúde e do bem-estar. Daí o benefício desse novo padrão de atendimento dos planos de saúde que não podem mais limitar sessões de fisioterapia pelo plano, indo ao encontro de uma necessidade real de pacientes em todo o País.

Cotação online de Planos de Saúde

Última atualização em 08/08/2022

 

Deixe uma resposta