Skip to main content

Contas do seu carro no início do ano: como se organizar?

Por 24 de janeiro de 2023Mobilidade
receber a indenização do seguro residencial

Quando um novo ano se inicia já temos uma certeza: em poucas semanas as contas vão começar a chegar. Não tem como escapar! Logo nos primeiros dias de janeiro, já temos os impostos do carro e da casa. Ainda na primeira quinzena chega a lista de materiais escolares dos filhos, sem contar o uniforme, tênis novo, mochila. Mas com um pouco de organização, os gastos com o carro no começo do ano não vão pesar tanto no bolso.

Cotação Online de Seguro Auto

Quais são os gastos com o carro no começo do ano

IPVA

A primeira cobrança entre os gastos com o carro no começo do ano é a do IPVA, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores. Seu valor depende do modelo do veículo, do ano e costuma variar para cada estado. Geralmente, há três modalidades de pagamento: à vista com ou sem desconto, além do parcelamento em até cinco vezes (São Paulo). Ao não pagar, uma multa é aplicada e o proprietário é obrigado a  realizar o pagamento à vista.

Licenciamento

Alguns estados forçam a cobrança da taxa de licenciamento no início do ano, junto com o IPVA. Mas o proprietário não é obrigado a pagar, já que ela tem um calendário próprio em cada estado conforme o final da placa. Em São Paulo funciona assim:

  • Placas com finais 1 e 2: prazo até 31 de julho
  • Placas com finais 3 e 4: prazo até 31 de agosto
  • Placas com finais 5 e 6: prazo até 29 de setembro
  • Placas com finais 7 e 8: prazo até 31 de outubro
  • Placas com final 9: prazo até 30 de novembro
  • Placas com final 0: prazo até 29 de dezembro

Ao não fazer o pagamento, há problemas à vista: se for pego com o licenciamento antigo, é infração gravíssima, sete pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), além de multa de R$ 293,47.

DPVAT

Pelo terceiro ano seguido, proprietários de veículos no Brasil terão um alívio no bolso. É que o Seguro DPVAT não será cobrado em 2023. A medida já havia sido tomada em 2022 e 2021, após polêmica envolvendo a proteção obrigatória.

Como fazer um bom planejamento para controlar os gastos com carro no começo do ano?

1. Levante as receitas e despesas

O primeiro passo para se organizar com os gastos com o carro no começo do ano é ter um controle das despesas mensais e identificar todas as despesas dentro dos últimos três a seis meses. Anote o total de suas receitas para comparar com os gastos. Coloque tudo numa planilha, no bloco de notas do celular ou procure um aplicativo financeiro.

2. Guarde um pouco todo mês

Abra um espaço na sua planilha para reservar uma economia para os gastos com o carro no começo do ano, ainda que seja pouca. Isso ajuda não somente a ter um dinheiro para imprevistos, mas também serve como estímulo para continuar o planejamento. Por exemplo, vale guardar uma parte do 13º salário ou das férias já pensando nos gastos com o carro no começo do ano.

3. Não deixe as dívidas se acumularem

Isto é algo que pode passar batido e criar uma despesa extra que não estava esperando. Lembre-se: para renovar o licenciamento, o carro não pode ter dívidas antigas. Sabe aquela multa que ignorou? Ou esqueceu o IPVA do ano anterior? Pois é, terá que pagar tudo isso primeiro para renovar o documento do carro. Não deixe isso para depois, o prejuízo pode ficar ainda maior.

4. Cuidado com dezembro

O mês de dezembro é uma época tentadora para sair gastando sem pensar nas consequências, desde a compra de presentes, fazer festas ou viajar. Como dito acima, procure separar uma quantia para os gastos de começo de ano e não deixe que esses momentos de lazer afetem o seu orçamento.

Cotação Online de Seguro Auto

Última atualização em 24/01/2023

 

Deixe uma resposta