Seguro Residencial cobre danos no jardim?

Por 10 de novembro de 2020dezembro 16th, 2020Residencial e Lazer, Vida e Saúde

Optar pela contratação de um seguro residencial passa pela análise de vários aspectos que ganham importância de acordo com o perfil do cliente (segurado) e, claro, da residência. Morar em uma casa com jardim, por exemplo, pode merecer atenção especial a esse espaço. Mas será que existe algum seguro residencial que cobre danos no jardim ou outras partes externas da casa?

Caso exista, como funciona esse tipo de cobertura? É adicional ou faz parte das coberturas básicas que são contratadas? 

Sua dúvida deixará de existir a partir de agora, acompanhe o conteúdo preparado pela Bidu!

Cotação online de Seguro Residencial

Proteção do Seguro Residencial para o jardim

Tão importante quanto simplesmente proteger o local em que se vive, o segurado precisa saber escolher as proteções que serão mais adequadas para o perfil do seu imóvel. Afinal, há diversas necessidades que podem ser atendidas pelo seguro residencial, mas que variam de acordo com o imóvel.

Mas caso a sua casa tenha uma bela área externa, será que o seguro residencial cobre danos no jardim? 

Saiba que é possível, sim, contar com a cobertura de danos ao jardim ao contratar o seguro residencial.

Pois é, trata-se de uma cobertura pouco conhecida, mas que existe e está à disposição dos segurados que desejam zelar por essa área que merece ser preservada.

Esse cuidado deve ser mesmo levado em conta, pois os jardins estão expostos a vários tipos de riscos. Eles podem ser destruídos em virtude de chuvas fortes ou então outros tipos de desastres naturais ou danos que serão conhecidos mais adiante.

Proteção adicional: seu jardim merece

O seguro residencial é sempre composto por uma cobertura básica obrigatória e outras coberturas adicionais opcionais, que o segurado avalia se é o caso de contratar ou não.

Para ter acesso à proteção para o jardim, o segurado precisa contratar uma cobertura adicional. Isso porque não se trata de uma proteção que integra a cobertura básica como alguns podem imaginar já que o jardim compõe a área da casa.

Portanto, quem quer saber se seguro residencial cobre danos no jardim, já entendeu como funciona, Se quer contar com essa cobertura específica que, inclusive, protege árvores, arbustos e floreiras, é necessário incluí-la na apólice do seguro residencial. Quando o segurado não faz isso, não terá essa proteção. 

Como determinar a cobertura mais adequada para o jardim? 

As seguradoras, em geral, colocam à disposição dos clientes interessados nesse tipo de cobertura a conhecida como “Danos a Jardins”.

Porém, algumas dessas empresas apresentam esse tipo de cobertura com algumas diferenças – ou diferentes regras. Por isso, a dica é sempre falar com o corretor – ou mesmo se informar nas buscas online – para entender as necessidades do jardim em questão.

Só para que se tenha ideia, há seguradoras em que a cobertura fica reservada somente às árvores, arbustos e gramados. Mas há outras que podem, por exemplo, oferecer uma cobertura mais completa, incluindo vasos e itens de decoração de jardinagem.

Daí a necessidade de o segurado analisar o perfil do seu jardim para determinar o que deseja incluir na cobertura.

Quando se tem, por exemplo, vasos e estátuas de jardim valiosos, é recomendável saber se a seguradora apresenta cobertura para tais itens, indo além das plantas. Mas se o jardim é formado somente por vegetação, o plano mais simples pode ser o mais adequado. 

Seguro Residencial cobre danos no jardim. Mas o que essa cobertura inclui?

Ao contratar a cobertura adicional do seguro residencial para proteger o jardim dos possíveis danos o segurado estará protegido nas seguintes condições (aqui estão mencionadas as mais comuns, mas há outras):

Importante: Quando o segurado precisa acionar o seguro, é primordial que não descarte os itens que foram danificados. Dependendo do valor dos danos cobertos, a seguradora poderá pedir uma inspeção de risco ou o recolhimento de salvados. Portanto, caso o descarte seja feito antes de a seguradora fazer o atendimento, o segurado poderá complicar a condução do processo de sinistro, atrasando ou dificultando o recebimento da indenização.

 O que não está incluído na cobertura de danos ao jardim?

Assim como é importante saber os riscos incluídos na cobertura de danos ao jardim, é importante conhecer alguns riscos que são excluídos nesse tipo de cobertura:

  • Pragas, doenças e similares
  • Alagamentos ou inundações
  • Danos a viveiros e estufas

Sinistros

Já foi dito que no caso de ocorrência de sinistro é preciso manter os itens que foram danificados ao acionar o seguro. Isso porque cada seguradora apura a pré-existência dos bens danificados.

Há algumas que trabalham com a exigência de apresentação de nota fiscal (ou outro comprovante de pré-existência). Já outras dispensam esse documento (a nota fiscal), mas exigem que os bens sejam incluídos em uma lista de bens que é submetida previamente à seguradora na contratação.

Caso contrate uma seguradora que exija a lista de bens, lembre-se de discriminar os itens do jardim na lista que contempla os demais bens do imóvel como, por exemplo, os eletrodomésticos.

Seguro Residencial – cotação online

Aqui, na Bidu, é possível fazer a cotação do seguro residencial que poderá atender às necessidades do seu imóvel!

Fale com a gente agora mesmo, é simples, pois estamos aqui para descomplicar o seu dia a dia. Conheça as opções que estão à disposição!

Última atualização em 10/11/2020