Skip to main content

Já ouviu falar do conceito de Casa Passiva ou Passive House?

Por 28 de abril de 2022Residencial e Lazer
casa passiva

Planejar e construir uma casa não é tarefa fácil. Uma obra para ser segura e econômica deve levar em consideração muitos fatores. Eles vão além de escolher os melhores e mais duráveis materiais de construção.

Coisas simples como o posicionamento da casa, por exemplo, podem ser decisivos para um maior conforto dos seus moradores. Você já ouviu falar no conceito de casa passiva (ou, do inglês, passive house)? A casa passiva é uma forma de melhorar a eficiência dos recursos usados na hora da construção da sua casa e que podem tornar o ambiente mais seguro e durável.

Existe uma série de táticas dentro desse conceito que podem transformar a sua obra em um edifício mais sustentável. Leia mais sobre este conceito construtivo e conheça dicas para tornar seu futuro lar em uma casa passiva.

Cotação online de Seguro Residencial

Mas o que é o conceito de Casa Passiva?

Por mais que este conceito tenha ganhado notoriedade nos últimos anos, o termo casa passiva data do fim da década de 1980. Ele surgiu por meio de um conceito construtivo que foi desenvolvido na Alemanha pelo engenheiro Bo Adamson e o físico Wolfgang Feist.

A ideia de ambos os professores era obter um elevado conforto térmico em uma edificação, sem a necessidade de um alto consumo de energia para tal. Seria possível construir casas e até prédios que não precisassem de sistemas de climatização? Com essa pergunta em mente, eles desenvolveram inúmeros estudos até conseguirem criar a primeira casa passiva do mundo.

Outro incentivo da época eram as primeiras discussões sobre mudanças climáticas e a previsão de aumento da temperatura da Terra nas futuras décadas. Muitos pesquisadores e estudiosos estavam buscando soluções para um futuro mais sustentável, com melhor aproveitamento dos recursos, sem necessariamente terem que desenvolver novas tecnologias.

O que define uma casa passiva?

A casa passiva nada mais é do que um ambiente que aproveita muito bem os recursos de construção para tornar o consumo de energia mais eficiente. O projeto de uma casa passiva  deve levar em conta principalmente a climatização do ambiente. Em outras palavras, deve considerar a captação e distribuição de ar, aquecimento e refrigeração. Para chegar no equilíbrio ideal, o projeto da casa passiva usa diversos artifícios e alguns deles são bem simples. Um deles é o aproveitamento da luz solar a partir da posição do imóvel, considerando o lado que ele nasce e também se põe, para aproveitar o calor e a iluminação nas melhores horas do dia.

Hoje, este conceito construtivo é aplicado não só para as casas, mas também em prédios comerciais como escolas, supermercados, escritórios e muitos outros. Quando o conceito é aplicado de forma correta, a estrutura de uma casa passiva pode reduzir em até 90% o gasto energético mensal, se comparado a uma edificação comum.

A importância do isolamento térmico

Ao construir uma casa passiva, uma das primeiras coisas é o isolamento térmico. Por ter origem na Europa, muitas pessoas acreditam que o conceito é exclusivo para climas mais frios, afinal de contas o isolamento térmico é muito bom para garantir que o calor se mantenha no interior do local. Porém, também é possível aplicar este conceito em climas mais quentes, a fim de evitar grandes gastos com a refrigeração contínua do ambiente. Por isso a importância de fazer o isolamento térmico (seja para quente ou para o frio) de toda a infraestrutura, considerando as paredes, telhado e outros elementos estruturantes.

Por exemplo, um gargalo muito comum das construções, quando se fala de isolamento térmico, são as portas e as janelas. Muitos donos de imóvel na hora de construir, ao ver o montante gasto na obra de infraestrutura, tentam economizar na compra das portas e janelas. Assim, adquirem produtos com baixa eficiência de isolamento.

Portas e janelas são estruturas móveis e de encaixe, portanto, seu acabamento deve ser de boa qualidade, caso contrário elas podem gerar pontes térmicas. Repare se no encaixe das dobradiças, das vidraças e outros elementos e verifique se não há vazão de ar por estes espaços. Arestas e cantos podem impactar em toda a distribuição de refrigeração de sua casa.

Usando o terreno ao seu favor

Você já viu casas que têm correntes de ar em pontos específicos? Ou que, ao longo do dia, aquecem demais ou o ambiente está sempre muito frio? Estes são exemplos de efeitos externos sobre a construção que uma edificação tradicional pode reter, impactando o convívio de seus moradores.

Muito importante na hora de planejar a construção da casa é aliar esses efeitos de forma positiva, a fim de ganhar eficiência energética na casa. Então, sim, para se ter uma casa passiva, é necessário pensar desde o início a sua estrutura. Por isso a necessidade de contratar profissionais que conhecem os conceitos para te ajudar a aplicá-los de forma eficaz.

Ao adquirir um terreno ou pesquisar imóveis usados, poucas pessoas se importam com a movimentação do sol ao longo do dia. E, muitas vezes, não conhecem os impactos que isso pode causar. Digamos que o seu quintal toma sol durante toda a manhã e o tipo de piso que reveste aquele espaço aquece facilmente. Todo o calor que é gerado nesse piso poderá ser irradiado para outros cômodos. Se a casa deste exemplo for pequena, há grandes chances de ela ficar mais quente. Assim, o dono do imóvel é obrigado a usar outro artifício para a refrigeração, como ventiladores ou ar condicionado, aumentando consideravelmente o gasto energético.

Planejamento

Planejar a casa para obter a melhor condição de luz e temperatura é obrigatório para o imóvel entrar no conceito de casa passiva. Para isso, é necessário considerar:

  • A temperatura média da região onde está localizado o terreno;
  • O relevo em seu entorno;
  • As correntes de ar que passam pelo local e futuramente serão captadas pela edificação;
  • A concentração de casas ao redor (para verificar se há respiro ou não entre os espaços) e muito mais.

Cotação online de Seguro Residencial

Última atualização em 28/04/2022

 

Deixe uma resposta